kyriakos news

Copa Davis Jr – Equipe Brasileira.

Brasil é superado na Copa Davis Jr e na Fed Cup Jr

Equipe brasileira encara Espanha no masculino e Rússia no feminino

Madri (ESP), 30 de setembro de 2015 – O Time Correios Brasil acabou superado nesta quarta-feira na Copa Davis Junior e na Fed Cup Junior pelas equipes de Estados Unidos e Itália, respectivamente. Nesta quinta-feira, os tenistas brasileiros voltam à quadra na Caja Mágica, em Madri, na Espanha, para encarar a equipe anfitriã no masculino e a Rússia no feminino.

O time masculino brasileiro fez um confronto equilibrado contra os americanos pela segunda rodada do Grupo C, mas a disputa acabou definida nos detalhes no jogo decisivo de duplas, quando o time dos Estados Unidos levou a melhor.

Gabriel Bugiga fez a primeira partida de simples e foi superado pelo americano Patrick Kypson com duplo 6/1. Gabriel Decamps igualou a disputa ao vencer Sam Riffice com 6/1 3/4 e retirada. Nas duplas, após bom início, os brasileiros Gabriel Decamps e Enzo Kohn foram derrotados por Vasil Kirkov e Patrick Kypson com parciais de 4/6 6/0 6/2.

“O Decamps conseguiu hoje desempenhar o que a gente esperava todos os dias. Se impôs desde o inicio contra o número 1 dos EUA. No jogo do Bugiga, o adversário jogou muito, mas o placar não diz o que foi o jogo, os games foram apertados, principalmente no primeiro set”, analisou William Kyriakos, capitão do time masculino do Brasil.

“Na dupla ganhamos o primeiro sacando e devolvendo bem. No segundo e terceiro ficou nítido que precisamos melhorar em geral que é jogar mais duplas, como os americanos sabem. Tem uma diferença entre jogar dupla e ir na raça, nós fomos na raça, mas no final prevaleceu o jogo mais contundende dos Estados Unidos”, completou Kyriakos.

Para o confronto com a Espanha, o capitão vê boas possibilidades para o time brasileiro, além de ressaltar que o Brasil está conseguindo jogar de igual para igual com fortes equipes. “Estamos no nível de todo esse pessoal aqui, pegamos um grupo forte e amanhã temos a Espanha dentro da casa deles e no saibro, um jogo bem duro, mas vejo possibilidades de sair com a vitória”.

O time feminino do Brasil também teve um confronto difícil com a Itália, teve chances, mas foi superado, com as italianas vencendo por 3 a 0.

A italiana Tatiana Pieri abriu o confronto vencendo Marcelle Cirino com parciais de 6/2 6/1. Thaisa Pedretti chegou a ter set points na primeira parcial, mas acabou superada por Federica Bilardo, com 7/5 6/2. Nas duplas, Nathalia Gasparin e Thaisa Pedretti não conseguiram derrotar Federica Bilardo e Tatiana Pieri, que fecharam com 6/4 5/7 6/3.

“Infelizmente não deu o que esperávamos, a expectaviva era que pudéssemos vencer por 2 a 1. A jogadora 2 deles era forte, esperávamos que a Thaisa pudesse vencer o segundo jogo, ela abriu 5/3, teve três set points, mas em todos a adversária jogou em alto nível e salvou. Foi um jogo que durou mais de 2h. Na dupla tivemos uma oportunidade de vencer, recuperamos a partir do segundo set, mas novamente a número 1 deles jogou muito e elas venceram”, analisou Roland Santos, capitão do time feminino que enfrenta nesta quinta-feira a Rússia.

O Time Correios Brasil em Madri é formado pelas tenistas Marcelle Cirino, Nathalia Gasparin e Thaísa Pedretti, além do capitão Roland Santos, na Fed Cup Junior, e pelos tenistas Enzo Kohn, Gabriel Bugiga e Gabriel Décamps, além do capitão William Kyriakos, na Copa Davis Junior. O chefe da delegação é Paulo Moriguti.

Link:

Cadastre-se e receba promoções e novidades
da Kyriakos Tênis direto em seu e-mail